Avaliação da Atenção Primária à Saúde utilizando o Instrumento PCATool-Brasil

  • Jéssica Mazutti Penso Centro Universitário UNIVATES.
  • Eduardo Périco Centro Universitário UNIVATES.
  • Mônica Maria Celestina de Oliveira Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA). Porto Alegre, RS, Brasil.
  • Andreia Aparecida Guimarães Strohschoen Centro Universitário UNIVATES.
  • Ioná Carreno Centro Universitário UNIVATES.
  • Claudete Rempel Centro Universitário UNIVATES.
Palavras-chave: Saúde Pública. Atenção Primária à Saúde. Pesquisa sobre Serviços de Saúde

Resumo

Introdução: A avaliação dos serviços é relevante, uma vez que permite o planejamento das ações em saúde. Objetivo: O presente estudo tem como objetivo avaliar a Atenção Primária à Saúde com o uso do instrumento PCATool-Brasil (versão profissionais da saúde), aplicado às equipes de atenção básica do município de Lajeado, sede da 16ª Coordenadoria Regional da Saúde do Rio Grande do Sul. Métodos: Realizou-se um estudo transversal com 54 profissionais lotados nas unidades básicas de saúde, que responderam ao instrumento PCATool-Brasil. Resultados: O Escore Geral, mensurado pela média do Escore Essencial e do Escore Derivado, superou o ponte de corte de 6,6. A média do Escore Essencial foi de 6,66, enquanto a média do Escore Derivado foi de 7,60. Conclusão: As equipes possuem, de maneira geral, alto grau de orientação à Atenção Primária à Saúde, embora dois atributos essenciais possuam indicadores que necessitam ser melhorados.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Jéssica Mazutti Penso, Centro Universitário UNIVATES.
Mestra e doutoranda em Ambiente e Desenvolvimento (bolsista CAPES), Centro Universitário UNIVATES.
Eduardo Périco, Centro Universitário UNIVATES.
Doutor em Ecologia pela Universidade de São Paulo (USP). Professor adjunto do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Centro Universitário UNIVATES.
Mônica Maria Celestina de Oliveira, Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA). Porto Alegre, RS, Brasil.

Doutora em Epidemiologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Chefe e professora adjunta do Departamento de Saúde Coletiva da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA). Coordenadora do Observatório Nacional em Saúde da População Negra da UFCSPA.

Andreia Aparecida Guimarães Strohschoen, Centro Universitário UNIVATES.
Doutora em Ecologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professora adjunta do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Centro Universitário UNIVATES.
Ioná Carreno, Centro Universitário UNIVATES.
Doutora em Enfermagem pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professora adjunta do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, centro Universitário UNIVATES.
Claudete Rempel, Centro Universitário UNIVATES.
Doutora em Ecologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professora adjunta do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Centro Universitário UNIVATES.

Referências

Starfield B. Atenção primária: equilíbrio entre necessidades de saúde, serviços e tecnologia. Brasília: UNESCO, Ministério da Saúde; 2002.

Brasil. Conselho Nacional de Secretários de Saúde - CONASS. Atenção Primária e Promoção da Saúde. Brasília: CONASS; 2007.

Baratieri T, Marcon SS. Longitudinalidade do cuidado: compreensão dos enfermeiros que atuam na estratégia saúde da família. Esc Anna Nery. 2011;15(4):802-10. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1414-81452011000400020

Aguiar ASW, Martins P. Essential attributes and qualifiers of Primary health care. Rev Bras Promoç Saúde. 2012;25(2 Supl):3-4.

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção em Saúde. Departamento de Atenção Básica. Manual do instrumento de avaliação da atenção primária à saúde: primary care assessment tool pcatool. Brasília: Ministério da Saúde; 2010.

Ronzani TM, Rodrigues MC. O Psicólogo na atenção primária à saúde: contribuições, desafios e redirecionamentos. Psicol Cienc Prof. 2006;26(1):132-43. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1414-98932006000100012

Oliveira MMC, Harzheim E, Riboldi J, Duncan BB. PCATool-ADULTO-BRASIL: uma versão reduzida. Rev Bras Med Fam Comunidade. 2013;8(29):256-63. DOI: http://dx.doi.org/10.5712/rbmfc8(29)823

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. Infográficos: dados gerais do município. 2013. [acesso 2014 Jul 1]. Disponível em: http://cidades.ibge.gov.br/xtras/perfil.php?codmun=431140

Oliveira MMC. Presença e extensão dos atributos da atenção primária à saúde entre os serviços de atenção primária em Porto Alegre: uma análise agregada [Dissertação de mestrado]. Porto Alegre: Universidade Federal do Rio Grande do Sul; 2007. [acesso 2014 Jul 14]. Disponível em: http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/12649

Brasil. Ministério da Saúde. Resolução nº 466 de 12 de Dezembro de 2012. Brasília: Ministério da Saúde; 2012.

Tanaka OY, Tamaki EM. O papel da avaliação para a tomada de decisão na gestão de serviços de saúde. Ciênc Saúde Coletiva. 2012;17(4):821-8. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232012000400002

Kovacs MH, Feliciano KVO, Sarinho SW, Veras AACA. Acessibilidade às ações básicas entre crianças atendidas em serviços de pronto-socorro. J Pediatr (Rio J). 2005;81(3):251-8. DOI: http://dx.doi.org/10.2223/1347

Cunha EM, Giovanella L. Longitudinalidade/continuidade do cuidado: identificando dimensões e variáveis para a avaliação da Atenção Primária no contexto do sistema público de saúde brasileiro. Ciênc Saúde Coletiva. 2011;16(Supl. 1):1029-42. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232011000700036

Hartz ZMA, Contandriopoulos AP. Integralidade da atenção e integração de serviços de saúde: desafios para avaliar a implantação de um “sistema sem muros”. Cad Saúde Pública. 2004;20(Supl. 2):S331-6. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0102-311X2004000800026

Fontoura RT, Mayer CN. Uma breve reflexão sobre a integralidade. Rev Bras Enferm. 2006;59(4):532-6. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672006000400011

Echer IC. Elaboração de manuais de orientação para o cuidado em saúde. Rev Latino-Am Enfermagem. 2005;13(5):754-7. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11692005000500022

Calvette TF, Cunha CRH, Figueroa GAV, Rocha PCX. Avaliação da qualidade da APS na ESF no município de Tubarão - SC. In: Anais do XII Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade; 2013 Maio

-Jun 2; Belém, PA, Brasil. p. 1455.

Gonçalves MR, Harzheim E, Zils AA, Duncan BB. A qualidade da atenção primária e o manejo do diabetes mellitus. Rev Bras Med Fam Comunidade. 2013;8(29):235-43. DOI: http://dx.doi.org/10.5712/rbmfc8(29)814

Oliveira EB, Bozzetti MC, Hauser L, Duncan BB, Harzheim E. Avaliação da qualidade do cuidado a idosos nos serviços da rede pública de atenção primária à saúde de Porto Alegre, Brasil. Rev Bras Med Fam Comunidade. 2013;8(29):264-73. DOI: http://dx.doi.org/10.5712/rbmfc8(29)826

Leão CDA, Caldeira AP, Oliveira MMC. Atributos da atenção primária na assistência à saúde da criança: avaliação dos cuidadores. Rev Bras Saude Mater Infant. 2011;11(3):323-34. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1519-38292011000300013

Hauser L, Castro RCL, Vigo A, Trindade TG, Gonçalves MR, Stein AT, et al. Tradução, adaptação, validade e medidas de fidedignidade do Instrumento de Avaliação da Atenção Primária à Saúde (PCATool) no Brasil: versão profissionais de saúde. Rev Bras Med Fam Comunidade. 2013;8(29):244-55. DOI: http://dx.doi.org/10.5712/rbmfc8(29)821

Harzheim E, Duncan BB, Stein AT, Cunha CR, Goncalves MR, Trindade TG, et al. Quality and effectiveness of different approaches to primary care delivery in Brazil. BMC Health Serv Res. 2006;6:156. DOI: http://dx.doi.org/10.1186/1472-6963-6-156

Vitoria AM, Harzheim E, Takeda SP, Hauser L. Avaliação dos atributos da atenção primária à saúde em Chapecó, Brasil. Rev Bras Med Fam Comunidade. 2013;8(29):285-93. DOI: http://dx.doi.org/10.5712/rbmfc8(29)832

Chomatas E, Vigo A, Marty I, Hauser L, Harzheim E. Avaliação da presença e extensão dos atributos da atenção primária em Curitiba. Rev Bras Med Fam Comunidade. 2013;8(29):294-303. DOI: http://dx.doi.org/10.5712/rbmfc8(29)828

Publicado
2017-06-22
Como Citar
Mazutti Penso, J., Périco, E., Oliveira, M. M. C. de, Guimarães Strohschoen, A. A., Carreno, I., & Rempel, C. (2017). Avaliação da Atenção Primária à Saúde utilizando o Instrumento PCATool-Brasil. Revista Brasileira De Medicina De Família E Comunidade, 12(39), 1-9. https://doi.org/10.5712/rbmfc12(39)1212
Seção
Artigos de Pesquisa