[1]
Modesto, A.A.D. e Couto, M.T. 2016. Como se estuda o que não se diz: uma revisão sobre demanda oculta. Revista Brasileira de Medicina de Família e Comunidade. 11, 38 (ago. 2016), 1-13. DOI:https://doi.org/10.5712/rbmfc11(38)1250.