[1]
A. A. Polidoro e M. G. Kolling, “Qualidade de vida dos pacientes hipertensos em uma unidade de saúde”, Rev Bras Med Fam Comunidade, vol. 11, nº 38, p. 1-7, ago. 2016.